Palco transborda animação no 11º Comvocação

O Comvocação, que aconteceu nos dias 16 e 17 de agosto no Ginásio José Correia em Barueri, abrigou em seu palco grandes nomes da música católica, que contribuíram mais uma vez para o sucesso do evento.

No sábado a abertura foi às 15 horas com o Ministério Encontro, que tem origem na Diocese de Osasco “Esse não seria um evento cristão se não pedíssemos sobre nós o Espírito Santo”, disse Marlene, vocalista do ministério. Seguidos pelo padre Diocesano, Pe. Nilso, que conduziu todo o povo a oração e a espiritualidade.

Em entrevista, Pe. Nilso falou sobre a missão do evento “O Comvocação na Diocese de Osasco é muito importante pois não é só para arrecadar fundos para o Seminário Diocesano, na verdade isso também é importante, porém é um despertar para as vocações sacerdotais. Agente já tem noticias que neste tempo do Comvocação, onze anos, muitas vocações surgiram pra vida religiosa, pro sacerdócio.  Esse florescimento de vocações passou a ser um meio de fazermos uma propaganda vocacional, a chamada pra vocações é o mais importante do Comvocação”, disse o padre que além de cantor também é apresentador de programas da TV Século 21 e Associação do Senhor Jesus, ambas emissoras católicas.

A Ceremonya, banda de rock católico também levou o povo a oração. O dia encerrou com muita chuva e com o show da Banda Arkanjos, também diocesana, que com sua familiaridade trouxe alegria e animação. De início, o show foi acompanhado embaixo das barracas para fugir da chuva, mas aos poucos todos voltaram pra frente do palco para curtir o show, que foi uns dos pontos fortes do Comvocação.

No domingo, pela primeira vez no palco do Comvocação a banda Iaweh mostrou a pluralidade do rock cristão. Em seguida Fátima Souza emocionou os participantes. Fátima, gravou recentemente seu primeiro cd solo com o título “Sem Ti nada posso”.

Os Cantores de Deus mais uma vez esbanjaram simpatia e alegria “Estar no Comvocação mais um ano é escrever na história do grupo Cantores de Deus que nossa missão não pode parar”, disse Dalva Tenória, uma das integrantes do trio.

O Rosa de Saron mais um ano levantou as multidões e emocionou o público com a turnê do novo cd da banda “Cartas ao Remetente”, que teve inicio no ultimo dia 10 de Agosto.

A noite encerrou com o Pe. Antonio Maria, que mais uma vez comemorou seu aniversário no Comvocação, ele falou sobre a importância do trabalho do evento “Se agente não pára para pensar, como vamos ouvir essa convocação de Deus?”, disse o padre.

A respeito do trabalho voluntário, destaque do Comvocação na Diocese de Osasco, ele disse “Santo Agostinho dizia ‘Cantar é próprio dos que amam’, eu sempre digo faça alguma coisa filho que você vai ser cantor, mesmo desafinado”, brincou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *