Feira Vocacional, diversidade de carismas e despertar de vocações

A Feira Vocacional permite as congregações exporem um pouco de seu carisma e vivência da fé, tendo como objetivo o despertar de novas vocações. Dentre os vários espaços do evento do Comvocação, a feira é o lugar onde os participantes podem buscar o conhecimento das diversas congregações existentes na Igreja Católica.

Pe Luiz Antônio Miotelli da Congregação Pequenas Irmãs Missionárias da Caridade (Pequena Obra da Divina Providência Orionitas), expositor da feira, acredita que “ este evento tem sido muito importante para despertar uma reflexão sobre o tema da Vocação.” Em sua opinião a feira merece o destaque do evento porque “apresenta a diversidade de carismas que existe na Igreja”, e deseja que Deus possa suscitar no coração dos participantes o “desejo de servi-Lo com alegria e fidelidade através das mais diversas vocações”.

O Seminário São José traz um tema especial em seu stand. A exposição foi montada sob a inspiração da comemoração dos 35 anos de sua fundação.  Retrata entre vários fatos a história da criação da estrutura do seminário feita por D. Francisco Manuel, primeiro bispo da Diocese de Osasco, a inauguração da Casa do Propedêutico (Casa de Betânia) na Paróquia Santa Isabel em Osasco, as primeiras turmas de seminaristas e ordenações sacerdotais.

feira-vocacional2-300x225Em relação ao retorno do trabalho desenvolvido, Irene Imene Torrez – coordenadora da Feira Vocacional, diz que a cada ano participam novas congregações. Irene contou emocionada que tomou conhecido pelas Redes Sociais que participando pela primeira vez do Comvocação no ano passado “três jovens que conheceram as congregações, realmente se identificaram com o carisma através do nosso evento”.

“É isso que a gente sente, muita alegria. É um trabalho árduo, de muitos anos… a minha recompensa é essa, ver realmente que surgiram novas vocações”, exclamou a coordenadora.

Os visitantes da feira podem participar de momentos de oração, louvor e ensinamento proporcionados pelos religiosos(as) em seus stands. Com isso, os consagrados querem demonstrar a sua ‘alegria’ em responder ao chamado de Deus e servir a Santa Igreja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *